; Nova Escola Americana – Cervejaria Lorena

A Nova Escola Americana

A nova escola Americana, vem tentando se estabelecer nas últimas décadas, se destacando, principalmente, por não ser somente uma escola singular, mas sim uma escola que incorporou todas as três escolas cervejeiras anteriores criando algo completamente novo. Ou seja, as cervejas americanas (é claro, estou falando daquelas artesanais e não das produzidas em massa), são caracterizadas pela nova interpretação de estilos já existentes de cerveja.

 

Estilo Americano de Cerveja

O americano segue aquele estilo de vida peculiar, querendo sempre “mais”. Carros mais potentes e extravagantes, casas maiores, mais açúcar, mais coca-cola, mais bacon (ok, essa eu também aprovo), mais fritura, mais, mais e mais. Pois o “American Way of Life” também se reflete na escola Americana de cervejas, pois os americanos e fazem cervejas mais amargas, mais alcoólicas, mais encorpadas, mais robustas, com ingredientes mais incomuns (como abóbora e bacon), sempre tentando criar algo novo e com a personalidade da terra do tio Sam.

Os americanos são responsáveis pela reinvenção de alguns estilos de cerveja, como as American IPAs(interpretação americana da IPA britânica) porém com uma maior presença do lúpulo (mais, mais, mais…) além da utilização de lúpulos americanos com caráter mais cítrico.

Não bastando ter reinventado as IPAs, os americanos tiveram de inventar um estilo ainda mais lupulado, o estilo Imperial IPA, Cervejas ainda mais alcoólicas, com muito mais malte, muito mais amargas, e claro, mais aromáticas que as IPAs. Aliás, nos EUA, qualquer estilo de cerveja pode ser transformado em uma “Imperial alguma coisa”, tipo Imperial Pilsen, Imperial Kölsch, Imperial Amber Ale e por assim vai.

 

Fonte: cevanobar.com

Receber Novidades

Compre pelo atendimento on-line no chat ao lado.